sábado, 28 de julho de 2007

Jan Jankeje & Bireli Lagrene - Zum Trotz [1983]




Bireli Lagrene não é um guitarrista popular por aqui como John McLaughlin, Larry Coryell e John Scofield, mas quem o conhece sabe que ele é tão fera quanto eles, sendo muito respeitado nos principais círculos jazzísticos da Europa. Por sinal, o próprio McLaughlin define Lagrene como um “fenômeno da guitarra”. Com um comentário desses, vindo de figura tão ilustre, não preciso dizer mais nada para fazê-los crer nas qualidades técnicas deste músico. Nascido em Paris, no ano de 1966, este francês de sangue cigano é um admirador confesso do guitarrista belga Django Reinhardt, também de origem cigana, e de Charlie Christian. Começou a tocar guitarra aos 4 anos e aos 13, já interpretava, com absoluta perfeição técnica, até mesmo os mais complicados temas de Reinhardt. Em sua trajetória musical, gravou mais de 30 álbuns para selos renomados do jazz como Jazzpoint, Blue Note, Dreyfus e Antilles, inclusive alguns em parceria com o baixista Jaco Pastorius, entre os quais eu recomendo Stuttgart Ária (JazzPoint, 1988). Se Lagrene já não é tão famoso por estas bandas, o que dizer de Jan Jankeje? Eu mesmo devo confessar que o conheço muito pouco, o que sei é que nasceu da Bratislávia (Slováquia) em 1950, é um excelente baixista, além de compositor e produtor musical. Migrou em 1968 para Holanda e já trabalhou ao lado de muita gente boa como Ella Fitzgerald, Benny Goodman, Joe Pass, Tal Farlow, Jaco Pastorius, Al Casey, Benny Waters, Attila Zoller... Ou seja, vem muito bem recomendado! Zum Trotz foi gravado em Stuttgart e faz parte da discografia de Jankeje, embora a maioria das faixas seja assinada por Lagrene. Desta gravação, ainda participam Klaus Wagenleiter (piano), Matthias Buck (violino) e Werner Braun (bateria). É jazz da melhor qualidade, extremamente recomendado, em especial para aqueles que não escutam qualquer coisa!










7 comentários:

GRAVETOS & BERLOTAS disse...

Realmente, não conheço as feras mas devem mandar muito bem. Vamos conferir, então.
Abrações, Woody!
Edson d'Aquino

woody disse...

Gran Edson!
Pode apostar que aí não tem cara fraco não!

Anônimo disse...

thank you, you made my day...

woody disse...

You welcome!

Anônimo disse...

Link is broken? Can you reupload? Many thank. Djavan.

Omar disse...

Thank you for sharing!

woody disse...

You are welcome Omar!