sexta-feira, 7 de março de 2008

Rush - Nuts & Bolts [1994]





Antes do postar The Fifth Order Of Angels eu estava dividido entre ele e o Nuts & Bolts. Os dois são excelentes, mas acabei optando pelo primeiro, devido ao seu valor histórico, músicas inéditas e tudo mais. Acontece que desde então não consigo parar de ouvir este Nuts & Bolts, que mesmo não tendo a mesma importância do The Fifth Order Of Angels, é um disco fantástico e com uma qualidade de áudio muito superior, afinal foi registrado 20 anos depois. É bem verdade que em 1994 o Rush já não gozava do mesmo prestígio de outrora entre a nova geração e pararia dois anos depois para só voltar à cena na virada do século com Vapor Trails (2002), mas isso não impediu a banda de fazer um show incrível como este realizado em 2 de abril, no Dane County Coliseum de Madison, Wisconsin (USA). Um puta show! Sem nenhum exagero, tanto é assim que faz mais de uma semana que estou ouvindo esse disco que traz interpretações antológicas de clássicos como “The Spirit Of Radio”, “Stick It Out”, “Limelight”, “Closer To The Heart”, “Xanadu”, “Tom Sawyer”... De modo que, mesmo não sendo minha intenção inicial, acabei resolvendo postar o Nuts & Bolts também e ver se vocês compartilham da mesma opinião.






Rush - Nuts & Bolts


Well, I was quite surprised when I received this recording in trade. Another soundboard from the Counterparts tour seemed to be a little too good to be true. But Geddy identifies the location as Madison, Wisconsin before starting in with Cold Fire, making it abundantly clear. Definitely a better sounding show than the Critical Mass/Mystic Symphonies show as this source is in stereo. The show itself is one of the better shows from the CP tour, the band seems really up for the show. There are a few weird transitions between songs, the indexing is wrong for Xanadu/Hemispheres/Tom Sawyer, but this is definitely digitally sourced and is very clean. I wish there was more information about the recording, but the artwork will divulge no secrets other than it has the wrong date! This is by far and away one of the finest sound board recordings I've yet heard. Sounds professionally mixed and very lively sounding. An absolute "Must Have", and everyone knows I prefer audience recordings to sbds, so that says something!
Review by -> The Digital Dan (From -> The Digital Rush Experience 2001-01-31)


I wasn't in great expectations when I received this show, as I already had the "Animated" and "A Night At The Spectrum" soundboards, and they both sounded great. This would be just another great show to add...I was completely in shock when I put these discs in the CD player! Not only the sound is absolutely perfect, but the band puts one of the best performances I have ever heard! They are playing very tight this night, and definitely having fun! The audience seems to be really into the the show too; when they finish "Time Stand Still", Geddy thanks the crowd and even says something like "You guys are in good voice out there tonight. We appreciate that." As always, you get the cool western intro to "Cold Fire" and the band intros in "Closer to the Heart", and this must be one of the funniest of all tour, I could hear this forever! Alex even makes fun of Neil's hat! IMHO, this is the best SBD of the Counterparts tour, and a must-have for any Rush fan, bootleg collector or not! It doesn't matter if you have a gazillion shows of this tour or you think Counterparts is the worst Rush album...for me this is a perfect recording and I guarantee you that these discs won't leave your CD player for at least 1 month!!!
Review by -> Bahia 2112 (From -> The Digital Rush Experience 2001-01-31)






Rush - Nuts & Bolts 1
Rush - Nuts & Bolts 2
Rush - Nuts & Bolts 3

8 comentários:

Zan Miró disse...

Woody,
como prometi postei um Zappa lá no sabadosomfm dê um olhada
valeu
Zan Miró

Eu Ovo disse...

falando em clássicos,
tem jack bruce la no Eu Ovo.

o baixo do cara é sensacional - e ainda dá pra ouvir umas músicas lá num playlist que eu coloquei.

agora é assim - mata a cobra e mostra o pau.

abração

Anônimo disse...

Grato por mais este, Woody.
Miguel

Esquadrão SS disse...

Tá doido! Rush é sem precedentes. Vou baixar e depois deixo as impressões. Valeu pelo post. Abraço

woody disse...

ô das SS, acho que vc vai curtir porque eu acho esse disco é fodaça!!

Marcello L. a.k.a. Maddy Lee disse...

Véi Woody,
antes de tudo, valeu pelas visitas e pelos comentários lá no Pântano Elétrico. Vou discordar de você quanto a uma coisa que você escreveu, nessa época o Rush não estava em decadência, já que o Counterparts é provavelmente o melhor disco entre todos os últimos lançados (gosto mais desse do que o Presto e o Roll The Bones, por exemplo), talvez o melhor desde o Signals; além disso, o disco vendeu mais do que os anteriores também, teve dois video-clips que rodavam direto pela MTV (Stick It Out e Nobody's Hero), além de ter um certo clima de 'revival' por causa de 'voltarem' a utilizar mais guitarras pesadas e músicas mais 'diretas'. Isso tudo criou uma grande expectativa quanto ao trabalho seguinte, Test For Echo, esse, sim, decepcionante.
De qualquer forma, os caras continuam lançando bons discos, tocando pra caracoles e fazendo shows sensacionais, mesmo com 35 anos de carreira nas costas.
Vou baixar já, vamos ver se eu também fico uma semana escutando direto!! rsrsrs
Abração, meu camarada!
Valeu!
ML

woody disse...

Well meu caro Maddy, particularmente eu nunca achei a banda decadente, o que eu quis dizer é que já não contavam com o mesmo prestígio de antes, é lógico que existia e ainda existe uma legião de fãs, mas entre os jovens da época o Rush era considerado decadente, assim como o Deep Purple, Led e afins (até mesmo os Stones)... A molecada estava mesmo perdida e a indústria da música idém, aliás essa última está se procurando até agora. Pouco tempo depois veio o revival de velhas bandas e os decadentes viraram dinossaouros, até mesmo o mediano Aerosmith se tornou uma super banda, não que eu não goste do som deles, acho bem legal, mas perto do Rush, Sabbath, Led, e outros contenporâneos o Aerosmith era uma banda menor. Agora se vc não conhece este disco, sabendo que vc é fã de carteirinha do trio canadênse, estou certo que vais curtir esse disco de montão a beça!

Marcello L. a.k.a. Maddy Lee disse...

Véi Woody, meu camarada,
compreendi perfeitamente seu ponto de vista. Sou fã, mas não sou daqueles xiitas, saqualé? Até porque tem horas que Rush não desce bem nem pra mim (uns 2 segundos por ano - rsrsrs).
Sacanagens de lado, já estou escutando o N&B pela segunda vez seguida, será que isso te diz alguma coisa? A gravação é realmente excelente. Depois que eu conseguir colocar meu queixo no lugar passo aqui de novo.
Abração!
ML